Feriadão com pizza

Nada como um feriadão pra gente descansar. 

Mas como dizemos por aqui, nós descansamos trabalhando!
 
Fim de semana é quando deixamos a “dieta” um pouco de lado para comer algumas gostosuras, tidas como besteiras. Além, é claro, de nos reunirmos os amigos! 
 
Neste feriadão, que pra gente só acabou ontem, resolvemos testar uma receita nova de Pizza.
 
Pesquisando, descobri que as melhores receitas são as que deixam as massas descansar por muitas horas. Descobri também que há quem use batedeiras planetárias para sovar a massa, o que não foi o nosso caso, mas é muito bom saber! Vai que um dia o desejo de comer uma pizza é maior do que o tempo para fazê-las?!
 
Como tínhamos tempo, começamos a massa por volta de meio-dia para começar a produzi-las por volta das 21h. Ou seja, o descanso da massa foi de 9h. O tempo mínimo para a massa descansar é de 1h30 e o máximo de 12h. Este conhecimento sobre o tempo é muito importante para a sua organização e para o sucesso da receita. 
 
Outra coisa muito importante na hora de fazer a massa são os ingredientes. Nós utilizamos a farinha da marca Renata. Todas as pessoas que conheço, que fazem uma boa pizza caseira no Rio de Janeiro e em São Paulo, utilizam esta marca. A importância da escolha da farinha é pelo fato de algumas farinhas absorverem mais a umidade do que outras. 
 
Para pizza utilizamos fermento biológico fresco! Nada daqueles fermentos em pó comuns a bolos.
 
Outro fator importante é deixar a massa em algum lugar razoavelmente morno, que não pegue muitos golpes de vento e friagem. Pois o fermento se utiliza de calor para crescer. 
 
Depois das dicas, vamos à pizza:
 
Pra pizza
1kg de farinha de trigo Renata
100g de fermento biológico fresco
20g de gordura vegetal
100g de azeite de oliva
650ml de água 
2 pitadas de açúcar
3 pitadas de sal
 
Pro molho
2 latas de tomate pelatti
3 cebolas pequenas*
2 pitadas de sal 
ou
2kg de tomates maduros
1 pitada de sal
Pimenta a gosto
 
Fazendo o molho
O molho deve ser um molho suave para não interferir demais no sabor da pizza. Por isso é importante que seja feito idealmente com tomates frescos. Utilizamos tomate pelatti por improviso. Mas não se preocupem que o resultado não deixa a desejar. Basta refogá-los. Primeiro refogamos a cebola, e assim que estiverem transparentes jogamos os tomates. O molho deve ficar líquido, sem muitos pedaços grandes de tomate.
 
*Nós utilizamos cebola, mas não é de praxe.
 
Para o caso de tomates frescos e maduros, 2kg são suficientes para esta receita onde utilizamos 1kg de farinha de trigo. E neste caso, eles não precisam ser refogados.
Retire a parte de cima dos tomates com a faca ou escalde-os para retirar a pele, corte-os ao meio e tire as sementes. Bata no liquidificador até virar uma papa. Depois, tempere com sal e o tempero que escolheu.
 
Fazendo a Massa
1.  Coloque o fermento biológico em um prato e o quebre com um garfo para que ele fique em pedacinhos. Separe as 20g de gordura vegetal.
2. Coloque fermento, gordura, sal, açúcar e azeite de oliva em um refratário redondo e misture-os  com os dedos até  que fiquem bem quase líquidos e homogêneos.
3. Junte a farinha e a água aos poucos. Conforme for sovando, vá acrescentando mais farinha e mais água. A massa no começo fica um pouco pegajosa, mas conforme for trabalhada, vai ganhando uma consistência mais uniforme e lisa. O ponto da massa é quando ela estiver soltando totalmente da sua mão. Você vai perceber que a mão vai ficando livre da massa. Quando estiver neste ponto, ela já esta pronta para ser tapada.
4. Deixe a massa em um bowl que tenha espaço para ela crescer. Tape o bowl com papel filme e por cima um pano de prato, para manter o calor e para que ela não cresça infinitamente e perca a consistência.  Coloque um pano de prato por cima e deixe fermentar. Como falamos acima, deixe no mínimo por 1h30 e, no máximo, 12h.
DSC_1438   DSC_1445
 
Montando a Pizza
Esta é a parte mais fácil e divertida!
Se tiver criança em casa esta é a hora de chamá-las para ajudar! Crianças que crescem na cozinha pegam gosto pela coisa. Pode apostar!
 
Por não comermos tanto pizza em casa, ainda não temos pedras refratárias, que os grandes pizzaiolos possuem para colocar no forno. Estas pedras são super importantes para que as pizzas não adquiram aquelas consistência de biscoito, típicas de fornos convencionais. 
Mas quem não tem pedra não vai deixar de fazer pizza, não é mesmo?
 
Para quem possui pedra refratária, colocá-las em temperatura alta por cerca de 1h30 antes de colocar as pizzas no forno.
 
Hora de esticar a massa
1. Polvilhe uma superfície com farinha de milho, de arroz ou de trigo (as duas primeiras são melhores pois absorvem mias umidade) e pegue uma bola de massa mais ou menos do tamanho de uma bola de tênis ou menor e comece.
2. Abra com um rolo de macarrão. Conforme for abrindo a massa vá polvilhando com farinha para ela não grudar e não umidificar.
3. Caso você goste de de borda, não passe o rolo na pontas das massas. Ou você pode esticá-la e ao final dar uma enroladinha nas pontas.
4. Coloque a massa depois de esticada para pré-assar. Ela não demora muito tempo. É só um tempo de uma pré-cozida. Principalmente quando esta é feita em um forno sem pedra. Você pode colocar no forno, caso a massa seja fina, por cerca de 4 minutos, mas vai depender da regulagem do seu forno.
DSC_1462   DSC_1470
 
Assim que retirar do forno, você já pode montá-la!
 
Coloque uma camada fina de molho de tomate, equivalente a um pouco mais de meia concha, e leve ao forno para esquentar.
 
Nossas escolhas foram:
. Pizza Mediterrânea –  Mussarela, abobrinha, beringela e tomate (é importante dar uma refogada na abobrinha e beringela, pois a pizza fica pronta mais rápida do que o tempo de cozimento dos ingredientes)
. Pizza Mamma Jamma – Cream Cheese com Alho Poró 
. Pizza Tradicional – Margherita com Rúcula
DSC_1446     DSC_1481
DSC_1483     DSC_1497
É isso! Agora é só abrir um bom vinho e se divertir com os amigos!
Se tiver alguma dúvida escreva para gente. Teremos o maior prazer em ajudar!
Anúncios

Cardápio (30/07 – 02/08)

Terça-feira
. Filé de tilápia* com amêndoas e tomate cereja. Acompanha vegetais salteados na manteiga, purê de batata baroa  e salada verde com molho de iogurte. (R$ 21,00)
. Omelete de queijo e tomate com ervas finas. Acompanha salada verde. (R$ 18,00)

* Pode ser substituído por Filé de linguado (R$ 19,00)

Quarta-feira
. Barquete de abobrinha recheada, arroz sete cereais e tomates recheados. Acompanha salada verde. (R$ 19,00)
. Torta-quiche de abobrinhas, companha arroz 7 cereais e salada verde. (R$ 20,00)

 Quinta-feira
. Rolinhos Vietnamitas (feitos com macarrão de arroz). Acompanha beringelas e brócolis. (R$ 19,00)
. Filé de linguado ao vinho e limão. Acompanha bravetti (massa) com tomate cereja e manjericão. (R$ 19,00)

Sexta-feira
. Risotinho de arroz 7 cereais com shitake, nirá e cebola roxa. (R$ 21,00)
. Ragu de cogumelo com polenta. Acompanha creme de abóbora. (R$ 20,00)

Rio. 14º

rain_cups

Pois é… Parece que o inverno chegou mesmo, heim?!

Aqui no Rio (de Janeiro) a gente está bem desacostumado com este tipo de friozinho e até esquece que tem inverno. Quando vem o frio é um tal de tentar se lembrar onde estão os casacos que realmente esquentam, pegar os edredons de “peso”, meias, pantufas e tudo mais o que estiver ao alcance.

Já na cozinha, a época é de comer sem culpa!

Por aqui andamos abusando das massas. Mas para  não adquirir aqueles quilinhos indesejados, o segredo é deixar a massa para o dia. E à noite, partir para aquela sopinha gostosa.

No Rio de Janeiro o mais comum é usar o gengibre em restaurantes japoneses. Mas esta incrível raiz ajuda a aquecer (pois é rica em substâncias termogênicas que ativam o metabolismo, e de quebra ajudam a emagrecer), dá um charme especial na comida (justamente por ser uma especiaria) e ainda possui mais de 400 substâncias com propriedades terapêuticas (digestivas, expectorantes, anti-inflamatorias e até afrodisíacas).

Assim, na hora de fazer aquela sopinha gostosa pra fechar o dia com chave de ouro, escolha o gengibre como um de seus ingredientes.

Outro ingrediente que dá um charme especial para sopa e é ótimo para esta época do ano é o Salsão (ou Aipo). O Salsão também é um alimento muito funcional. Ele possui propriedades diuréticas, expectorantes, tônicas e é rico em flavonóides (vitaminas e minerais, fortalecendo as defesas imunitárias e o metabolismo).

Tendo escolhido dois ingredientes ricos em sabor e propriedades que lhe ajudarão a se aquecer neste inverno, podemos partir para alguns tipos de sopas.

– Sopa de Abóbora
– Sopa de Cenoura
– Sopa de Legumes

A escolha de ontem para o pessoal aqui de casa foi a Sopa de Legumes. Segue a receita que levou nota 10:

Ingredientes

02 cenouras picadas em cubos
04 batadas picadas em cubos
01 abobrinha picada em cubos
02 cebolas picadas
01 dente de alho picado
20 gramas de folha de salsão (ou 6 folhas de salsão)
01 colher (sopa) de gengibre ralado
02 colheres (sopa) de manteiga
01 folha de louro (opcional)
sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de Preparo

1. Numa leiteira, leve 1 litro de água ao fogo médio para aquecer.

2. Coloque a manteiga numa panela grande e leve ao fogo médio para derreter. Em seguida, junte os cubos de cenoura, batata, abobrinha, cebola,  alho, e o gengibre. Misture bem. Acrescente a água.

3. Tempere com sal e pimenta-do-reino, misture e tampe a panela. Deixe cozinhar por 20 minutos, mexendo de vez em quando.

4. A seguir, retire a panela do fogo acrescente a folha de louro e as folhas de salsão, leve a panela de volta ao fogo baixo. Deixe cozinhar por mais 10 minutos, até que a sopa esteja pronta.

5. Retire as folhas de salsão e a folha de louro com a ajuda de uma colher. Com cuidado, transfira a sopa para um liquidificador* e bata até obter uma mistura homogênea. Depois, retorne a sopa de volta na panela. Sirva quente.

* Se desejar você também pode servir a sopa em cubinhos. Fica bem bonita e colorida. Já a batida no liquidificador fica mais consistente e de tom uniforme.

Semana pequenininha = cardapinho

Terça-feira
. Filé de peixe com arroz de brócolis e legumes salteados. Acompanha salada Waldorf. (R$ 18,00)
. Mix de cogumelos com arroz 7 cereais. Acompanha salada verde ou salada Waldorf. (R$ 21,00)

Quarta-Feira
. Peito de frango com crosta de granola, purê de batata e legumes. Acompanha Salada Oriental. (R$ 20,00)
. Barquete de abobrinha recheada, arroz sete cereais e tomates recheados. Acompanha salada verde. (R$ 18,00)

Feriado
Com preguiça de enfrentar a bagunça do feriado, e mais ainda de cozinhar? Leve pra casa algumas de nossas massas! Você pode levá-las congeladas ou frescas. Elas já vêm totalmente prontas. Para as congeladas, basta tirar do congelador uma hora antes do consumo e esquentar!

Massas:
. Rondelli 4 queijos
. Rondelli de ricota com espinafre
. Tortellini de tomate seco com Rúcula
. Caneloni de queijo com Brócolis

Molhos:
. Vermelho
. Bachemel

Valor: R$ 18,00

Isso + aquilo + aquilo outro

mesa_cluster

Pra quem ficou curioso sobre a quantidade de ingredientes utilizados n’O Cluster. aí vai a nossa conta:

– 15kg de peixe
– 30 limões
– 8 sacos de tortilhas
– 10 cx de shitaki
– 10 cx de shimeji
– 7 cx de cogumelo paris
– 5kg de arroz
– 100 bolinhas de trufas

E além disso, claro, MUITO AMOR em cada pratinho.

No Me Gusta

Durante toda essa semana, excepcionalmente, nossa cozinha não estará funcionando. O motivo é médico – mas nada de grave – apenas um procedimento corretivo que já estava nos planos.

Mas se você já quiser receber o cardápio da próxima semana, envie-nos um email. Estaremos de cama, mas ansiosos pensando na cozinha.

Segunda que vem funcionaremos normalmente.

Contamos com a compreensão de todos.

médico

Cardápio (08/07 – 12/07)

Terça- feira
. Salada verde com vegetais e molho de iogurt. (R$ 6,00)*
. Salada verde com torta de Couve-Flor (R$ 19,00)*
. Mix de Cogumelos (R$ 23,00)*
* Dieta Atkins

Quarta-feira
. Filé de linguado com legumes assados no forno (abobrinha, abobora, tomate) com creme de ricota e alecrim. Acompanha sopa de cebola de entrada. (R$ 20,00)
. Lasanha de vegetais (cebola roxa, abobrinha grelhada, cogumelos paris) ao molho béchamel. (R$ 19,00)

Quinta- feira
. Bife com gorgonzola. Acompanha Fettuccine ao molho vermelho. (R$ 23,00)
. Filé de linguado, purê de batata baroa e legumes salteados na manteiga. (R$ 18,00)

Sexta-feira
. Canelone de queijo com brocolis. ** (R$ 19,00)
. Rondeli de ricota ou  quatro queijo (R$ 19,50)
** (molho Vermelho ou Béchemel)

Nossas estrelas

Tem um monte de gente querendo ver os pratos do Me Gusta. Pois selecionamos alguns deles pra vocês ficarem com água na boca. Bem na hora do almoço!

ceviche

. Ceviche com Tortilhas

frango com granola

. Frango na Granola com Salada Mediterrânea

escondidinho2

. Escondidinho de Filet Mignon

risoto

. Mix de Cogumelos com Arroz 7 Cereais

trufas

. Trufas de Ganache

Esses são apenas alguns dos pratos do nosso cardápio. E que vocês podem encontrar n’O Cluster, evento que vamos participar no dia 14 de julho.

Vem com a gente! A entrada é grátis e as comidinhas estarão com um preço super em conta.

http://www.ocluster.com.br/